ÚLTIMAS NOTÍCIAS

A Cidade

Economia

Tecnologia

Política

Esporte

Entretenimento

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

Ecobus e Ernane negociam aumento das tarifas


Segundo publicou o jornalista Helton Romano, um novo reajuste nas passagens de ônibus, em São Sebastião, está em negociação entre a empresa e o prefeito. Isso porque o contrato prevê reajuste anual.
Os oito ônibus com catracas eletrônicas, apresentados na última semana, estão circulando pela cidade. Conforme relatou o jornalista, a Ecobus esclareceu alguns pontos:
1. Diferente do que o prefeito declarou, os novos ônibus não ampliam a frota. Na verdade, eles substituem veículos antigos.
2. Como já era de se esperar, nos veículos com catracas eletrônicas o motorista vai acumular a função de cobrador dos usuários que não portarem cartão eletrônico.
3. A Ecobus garante que não haverá demissão de cobradores por conta do novo sistema. “Os que possuem CNH, Categoria D, vão passar por treinamentos e terão aulas para se tornarem motoristas. Os demais cobradores serão destinados para outros setores”, comunica a empresa.
4. Segundo a Ecobus, os horários das linhas estão sendo reprogramados para que o tempo de espera nos pontos diminua para 30 minutos. Novos horários entraram em vigor na última quinta-feira. Consulte-os no site: www.ecobus.com.br.
A Ecobus disponibiliza os telefones 08007710507 ou 3892- 5999 (24 horas), além do e-mail sac@ecobus.com.br e a página no facebook.

quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Em visita ao sertão de Cambury, Edimo Gusmão constata condições precárias e dificuldades enfrentadas pelos moradores





Nessa última quarta feira, 27, Edimo Gusmão visitou o sertão de Cambury, e se deparou com um cenário de revolta por parte dos moradores de lá.
As condições precárias e dificuldades enfrentadas pelos moradores são notáveis, principalmente pela questão da ponte, que além de suprir as necessidades da população, já poderia estar oferecendo o devido uso que tanto os moradores anseiam.

Segundo o morador Robson Belém, “já se passaram quase 3 anos e a ponte ainda está desse jeito. Começou e parou, o material foi levado pra Boiçucanga e a obra foi esquecida”. Ele relatou ainda, que sua esposa caiu da ponte "provisória"  ano retrasado, quebrando costelas e fraturando a coluna, e que foi dada uma assistência pra evitar um processo judicial. Sobre a passarela, o morador comenta que “Essa passarela  não dura nada e a administração continua com descaso” finalizou.

Sensibilizado com essa situação, Edimo Gusmão, registrou ainda a passagem de veículos pelo rio, oque significa um perigo maior nos períodos chuvosos e a necessidade urgente de ser concluída essa obra tão essencial para os moradores locais.

quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

São Sebastião perde a chance de sediar Jogos Regionais para Caraguatatuba

Teatro lotado para a abertura da Semana de Educação Física, no último dia 31 de agosto. O prefeito Ernane sobe ao palco e, com orgulho, anuncia que São Sebastião será a sede dos Jogos Regionais em 2016 (assista ao vídeo). Assim, Ernane cumpriria uma promessa de campanha, ainda de sua primeira eleição.
No dia seguinte ao anúncio, a Prefeitura publicou a notícia no site oficial. A imprensa regional também logo tratou de repercutir a notícia, destacando que o evento seria inédito na cidade.
O anúncio, no entanto, entrou para a lista dos micos da Administração sebastianense. Nesta quarta-feira, o secretário de Esportes de Caraguá, Luiz Carlos Cardim, divulgou que a competição será realizada na cidade vizinha, pela sétima vez.
A decisão é do Governo do Estado e, segundo Cardim, leva em conta “a estrutura que a cidade possui”.
A Prefeitura de São Sebastião ainda não se manifestou a respeito.
Os Jogos Regionais acontecem no mês de julho e reúnem atletas de cerca de 40 cidades.

video

quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

Sob gritos de "justiça", cidadãos e parentes de homem morto pela polícia fazem protesto na Topolândia

Moradores e famíliares de Manoel Messias Lúcio do Nascimento Junior, 34, assassinado com um tiro deflagrado por um policial militar no último domingo à noite no bairro Topolândia, protestaram nesta manhã de quarta-feira (20/1) na região central de São Sebastião, pedindo "justiça" e clamamando por uso de armamento não letal em algumas operações policiais.

Os irmãos, Elias Lúcio Santos do Nascimento e José Lúcio do Nascimento, explicaram que Manoel sofria de problemas mentais e que ficou internado durante 5 anos. "Ele já tinha sido interditado pela Justiça, temos laudo de que confirma que ele era incapaz. Tinha surtos de vez em quando, mas a família já sabia como lidar. Chamamos o Samu, que aciona a Polícia Militar para dar apoio, mas meu irmão foi morto", disse Elias.

Ele ainda disse que seu irmão estava com um facão e seu sobrinho acabou ferido ao tentar desarmá-lo. "Ele estava dentro de casa, mas ninguém era refém. O policial atirou quando meu irmão apontou o facão para um bombeiro, que estava do outro lado do portão. Porque não usaram spray de pimenta ou bala de borracha?", questionou Elias Nascimento.


Os familiares pedem por justiça. "Esse manifesto serve para que outros casos como este não venham a acontecer. As pessoas que têm problemas mentais precisam ser tratadas com carinho", disse José Lúcio, que é pastor. "Até agora o comando da polícia não se pronunciou, Não queremos qualquer indenização, queremos apenas justiça".

Elisabet Pereira, amiga da família, foi quem organizou o manifesto. "Conhecia o rapaz, que tinha problemas mentais. Moro há mais de 20 anos no Itatinga e a polícia precisa saber lidar numa situação como esta e não agir como agiram", afirmou. A passeata passou pela Rua da Praia, Auta Pinder e Avenida Guarda Mor, até o local do crime, onde os participantes fizeram uma oração.

Prefeitura aluga prédio para cartório eleitoral ao custo de R$ 4.800,00 mensais

O cartório eleitoral de São Sebastião está mudando de endereço. Saiu do Fórum e se instalou ao lado da Câmara. O novo prédio foi locado pela Prefeitura, ao custo de R$ 4,8 mil mensais.
A questão é saber por qual razão o cartório saiu de um imóvel próprio para ocupar um locado. Até o momento ninguém veio a público explicar. Como as autoridades locais não têm o costume de dar satisfação ao contribuinte, é pouco provável que isso aconteça.
Alguém pode se perguntar por que a Prefeitura arca com custos de uma repartição pública, vinculada à Justiça Eleitoral. Isso é comum nos municípios. São firmados convênios com esse propósito.
É o que acontece também com postos policiais. A Prefeitura paga nada menos que R$ 6,5 mil no aluguel do prédio onde está instalada a delegacia da Costa Sul, em Boiçucanga. O contrato, renovado em novembro, teve reajuste de 14%

segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

Plano Diretor cai no esquecimento

Helton Romano

Seis anos se passaram desde que o Plano Diretor de São Sebastião começou a ser elaborado pelo atual governo. O documento mapeia a cidade em diferentes zonas, especifica as atividades permitidas em cada uma delas, e define regras de ocupação. Além disso, o plano estipula metas em diversas áreas como Saúde, Educação e Turismo, dentre outras.
O prefeito nomeou uma comissão e contratou duas empresas para elaboração do plano, sem divulgar os custos. Depois, entre 2011 e 2012, realizou uma série de audiências públicas para apresentação do plano.
Mas somente em março de 2014 o documento chegou à Câmara, onde deveria ter sido votado em 45 dias, caso houvesse algum respeito pelo regimento interno da Casa.
O tempo passou e o então presidente Marcos Tenório resolveu promover mais audiências. Levou a estrutura da Câmara para Boiçucanga, Barra do Una, Canto do Mar, Jaraguá e Barequeçaba.
Muita gente participou, opinou, apontou falhas, propôs alterações. Mas Tenório saiu da presidência, no final de 2014, sem colocar o plano em votação e sem dar qualquer explicação.
No ano seguinte, em maio de 2015, o secretário de Meio Ambiente, Eduardo Hipólito, anunciou que o plano havia sido retirado da Câmara para "adaptações". E essa é a última notícia que se tem sobre o enrolado Plano Diretor de São Sebastião. Na Câmara, ninguém mais tocou no assunto.
O documento foi elaborado para entrar em vigor no ano de 2011. Assim, diversas metas previstas no plano já estão com prazos vencidos. É o caso, por exemplo, da implantação de um terminal de navios de cruzeiro, que deveria estar operando desde o ano passado, com pelo menos 150 paradas, conforme estipulou o plano.
Foto: Audiência do Plano Diretor realizada em Boiçucanga.

domingo, 10 de janeiro de 2016

Projeto “Tião Vaca Só Quem É” vem progredindo a cada dia no Sítio Boa Esperança

O fundador Alberto Henrique Pinheiro conta essa bela história do projeto que beneficia mais de 20 jovens; ele afirma que a idéia é ampliar o leque de atividades, que  já conta com academia de musculação e aulas de artes marciais, tudo de graça.



O projeto Tião Vaca Só Quem É foi fundado por Alberto Henrique Pinheiro no Sítio Boa Esperança, local mais conhecido por “Tião Vaca”. Conforme o mentor do projeto, o intuito é tirar as crianças do ócio. E ele diz: “Por aqui não há muito o que fazer, então criamos o projeto para ajudar esses jovens, até para eles não ficarem pelas ruas fazendo o que não deve, assim como a gente pode ver sempre por ai, infelizmente”, explica Alberto.
O projeto já conta com espaço para academia de musculação e para treinamentos de artes marciais e danças, tudo de graça. Mais de 20 crianças e jovens se beneficiam do projeto. “Daqui da nossa academia aqui no Tião Vaca já saiu um campeão
brasileiro de MMA. Quem diria”? Ressalta Alberto, contando que tudo foi iniciado com a ajuda de amigos, tanto na compra de equipamentos e de materiais para subir as paredes do galpão
do espaço de treinamentos, como na mão de obra para a construção do local. 
“Alguns comerciantes de Boiçucanga e da Estrada do Cascalho deram uma força pra gente. Assim conseguimos comprar alguns equipamentos para musculação e para os treinos de Contato Total. Alguns equipamentos, foram doados. A gente reformou e tudo está em boas condições de uso”, comenta ele, que já busca um professor de dança para o espaço. Ele diz que as conversas com o futuro professor estão avançadas e o projeto logo vai contar com mais uma atividade para os jovens. Agora, Alberto sonha com uma ajuda governamental para ampliar o seu trabalho. “Se a prefeitura colaborar ou mesmo políticos que tenham boa vontade puderem ajudar, o projeto e os jovens agradecem”, diz.
Agradecimentos – Alberto finaliza a entrevista enaltecendo os que o ajudaram nessa bela empreitada. “Quero muito agradecer a todos que me ajudaram, o Edgar, o B2, o Guto do Parati, Pezinho, Clovis, o Neto do Ipiranga, a família do Irmão Macaco e a ele próprio, o Evandro, o Branco, o Neto, o mestre Sogue, E me desculpe se eu me esqueci de alguém, não foi por mal, é tanta gente”, encerra o simpático Alberto.
As aulas de capoeira e de contato total acontecem às segundas, quartas e sextas. Às terças, quintas e sábados são os dias das aulas de musculação. Em dois sábados por mês tem aulas de Hip Hop. Criança acima de 10 anos de idade podem participar. Contato: tel: 12 - 99753-4526
 
Copyright © 2016 Gazeta Cidade
Produzido por JP Sites